Home / Agenda de Eventos / Notícias / 17 municípios foram afetados por temporais no Paraná
17 municípios foram afetados por temporais no Paraná

17 municípios foram afetados por temporais no Paraná

Dezessete municípios paranaenses foram afetados pelas fortes chuvas e vendaval ocorridos de quarta até esta quinta-feira (16 a 18), segundo boletim da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil. Os dados são ainda preliminares e podem ser atualizados a qualquer momento, já que as informações dos municípios continuam chegando à Coordenadoria.

Os ventos, segundo a Defesa Civil, chegaram nesta quinta-feira em média a 100 km/h. Em Apucarana foi registrado 107Km/h. Mais de 400 mil imóveis sem luz em todo o Estado, segundo a Copel.

Até agora, 2.913 pessoas foram afetadas pelos temporais, sendo que 86 foram desalojadas durante as chuvas fortes e quase 221 casas foram danificas por vendavais e granizos. “Estamos orientando as coordenadorias municipais, já que as ocorrências são pontuais, e dando um suporte com monitoramento do tempo por meio dos alertas”, disse o tenente Marcos Vidal.

O município mais atingido foi Londrina (Norte), com 99 residências danificadas e 2.300 pessoas afetadas. Não há pessoas desabrigadas. Em Cambé, também no Norte, a tempestade afetou 153 pessoas e em Almirante Tamandaré (Grande Curitiba), 115 foram afetadas devido ao alagamento de algumas áreas. Neste município há 65 pessoas desalojadas, que recebem abrigo em casas de amigos e parentes.

FEIRA – Em Assis Chateaubriand (Oeste), o vendaval danificou parte da estrutura da feira ExpoAssis e as atividades nesta quinta-feira tiveram de ser suspensas por motivo de segurança. Já em Santa Cecília do Pavão (Norte) a chuva alagou as bombas do sistema de abastecimento de água e a distribuição está racionalizada.

Segundo o tenente Vidal, a maior parte das ocorrências foram em decorrência do vendaval, como quedas de árvores e destelhamentos. Os outros municípios atingidos são Foz do Iguaçu, Araucária, Campo Magro, Curitiba, Castro, General Carneiro, Guarapuava, Ponta Grossa, Rio Negro, Sarandi e União da Vitória.

SEM LUZ – A chuva deixa mais de 400 mil imóveis sem luz em todo o Estado. Na região Noroeste, entre Mandaguaçu e Querência do Norte, 209 mil imóveis estão sem energia; no Norte são 191 mil, segundo a Copel. Em Curitiba, na Região Metropolitana (RMC) e no Litoral, sete mil residências continuam sem o serviço.

De acordo com informações da Copel, a companhia está com todas as equipes mobilizadas mas não existe uma previsão de normalização do serviço em todas as regiões. Nas áreas urbanas, os trabalhos devem prosseguir durante a madrugada e parte desta sexta-feira (19) e nas áreas rurais, as equipes trabalham até sábado (20).

CHUVAS – Segundo o Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), a tempestade veio da Argentina e continua avançando para Norte Pioneiro. Para esta sexta-feira (19), a previsão é de chuvas e trovadas isoladas, principalmente na região Norte.

ALERTAS – A Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil envia alertas de mensagem de texto (SMS) que informam sobre as principais ocorrências para a região, como chuvas intensas, granizos e ventos fortes. Para receber o alerta o usuário precisa enviar por mensagem o CEP para o número 40199. (Fonte: ANPr – Foto: Divulgação Defesa Civil Paraná)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Vá para o topo