Home / Agenda de Eventos / Social / Casa Encantada é reaberta com mais conforto e novidades
Casa Encantada é reaberta com mais conforto e novidades

Casa Encantada é reaberta com mais conforto e novidades

001396665

00139663

Literatura

 

CURITIBA – A Casa Encantada, no Bosque Alemão, foi reaberta ao público na manhã desta sexta-feira (08), após uma reforma que promoveu melhorias na parte externa e interna. A programação também terá novidades a partir de agora. O espaço é conhecido como a Casa da Bruxa, em alusão às bruxas contadoras de histórias que apresentam adaptações da obra dos irmãos Grimm.

Também foi lançada nesta sexta a revista daCasa Encantada, um material divertido e didático que apresenta a história do espaço e das 12 bruxas que lá atuam.

Por mês, cerca de 1.500 pessoas frequentam o local, que ficou mais bonito e aconchegante para receber adultos e crianças. As obras foram executadas com recursos da Secretaria Municipal da Educação. Foi feita a substituição do assoalho de madeira, reforma dos banheiros, pintura e impermeabilização da casa, além da construção de um muro de arrimo.

Na parte interna a novidade são desenhos que fazem alusão às bruxas contadoras de histórias e à casa feita de doces do Conto de Fadas de João e Maria, dos irmãos Grimm.

A Casa Encantada é uma das 192 unidades que compõem a Rede Municipal de Bibliotecas Escolares. “É também um ponto turístico e cultural da cidade, que as famílias frequentam para ouvir ou ler histórias infantis. Além da contação de histórias feitas pelas bruxas, que são professoras da rede municipal de ensino com formação em literatura infantil, as pessoas podem manusear e ler os livros do acervo composto por aproximadamente 3 mil livros”, explica a secretária municipal da Educação, Roberlayne Borges Roballo.

O local também é conhecido por atrair crianças pequenas que vão até lá para entregar chupetas e mamadeiras para a bruxa. Todos os apetrechos infantis são colocados num caldeirão que reúne centenas de objetos. A entrega das chupetas e mamadeiras marca de uma forma lúdica um rito de passagem da vida das crianças, e, ao mesmo tempo, reforça elementos das histórias contadas na casa. Para chegar até a Casa Encantada é preciso percorrer uma trilha por dentro do bosque e acompanhar em totens de madeira a adaptação da historia de João e Maria.

Atrativa

No primeiro dia da nova fase, estudantes da Escola Municipal Mirazinha Braga acompanharam a contação das primeiras histórias, da nova fase da Casa Encantada. “Adoro esse lugar, que faz a gente viajar no tempo”, disse a estudante Emanuelle Soares, de 9 anos. Para Lorenzo Raein, com a reforma a casa ficou ainda mais atrativa. “É muito legal ouvir a bruxa contar a história aqui em uma casa no meio do bosque”, disse o menino.

O gerente da Rede de Bibliotecas Escolares, Marlon Terres, explica que junto com as melhorias arquitetônicas virá um novo repertório de histórias, que passa a incluir outros autores da literatura germânica, além dos Irmaõs Grimm. “O grupo de contadoras de histórias também se esmerou em novos figurinos e objetos usados nas histórias, como novas vassouras, animais peçonhentos e maquiagens coloridas e divertidas. Tudo pensado com atenção e carinho parasurpreender os visitantes”, diz Terres.

“Este é um espaço no qual podemos ouvir três tipos de histórias. A contada pelas bruxas, a dos imigrantes alemães que ajudaram a construir nossa cidade e as histórias da natureza, soprada pelos ventos, pelo canto dos pássaros, pelo barulho das árvores”, disse o secretário municipal do Meio Ambiente, Renato Lima, que acompanhou a reabertura do espaço.

Também participaram da cerimônia de reinauguração o cônsul honorário da Alemanha em Curitiba, Andreas Hoffrichter, a filha da escritora Mila Behrendt, autora da releitura da história João e Maria, Mildred Loreta Loenert.

Revista

Depois de ouvir histórias, cada visitante recebe agora um exemplar da revista que foi elaborada pela equipe de Difusão Cultural, da Secretaria Municipal da Educação, para divertir e incentivar nas crianças o gosto pela leitura.

São 20 páginas coloridas, com informações sobre o Bosque Alemão, a Casa Encantada, histórias e atividades lúdicas que mantém nas crianças a curiosidade e a fantasia vivenciados durante a visita na Casa Encantada. Os personagens que conduzem as histórias são as 12 Bruxas da Casa Encantada, ilustradas pelo coordenador do projeto EduCultura na Secretaria Municipal da Educação, Fulvio Pacheco.

Os textos têm a autoria de outra componente da equipe de Difusão Cultural, a professora de português Margarthe Fuchsque, que reescreveu contos clássicos e descreveu a lenda da criação da Poção Mágica usada pelas bruxas para permanecerem jovens. A história descreve o que acabou se tornando um ritual na Casa Encantada, a entrega de mamadeiras e chupetas pelas crianças Diz a lenda que o resto da saliva das crianças é um ingrediente especial para um creme especial usado pelas feiticeiras.

A Casa Encantada foi inaugurada em 29 de março de 1996. Localizada no Bosque Alemão, no Vista Alegre, fica ao fim da trilha do Caminho dos Contos. A trilha apresenta totens com azulejos gravados com versos e imagens da história de João e Maria, um dos mais populares contos da literatura infantil, escrito em 1812, pelos irmãos Grimm.

Casa Encantada

Aberta diariamente, das 9h às 17 horas. A Hora do Conto acontece nos fins de semana e feriados, às 11h, 14h e 16 horas. Agendamento para escolas pelo telefone 3568-1087, de terça a sexta-feira. Também pelo e-mail: fsbosquealemao@sme.curitiba.pr.gov.br  ( Foto: Valdecir Galor/SMCS)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Vá para o topo