Cidades

Régis Bittencourt promove ações educativas na Semana Nacional do Trânsito

Publicado

em

Durante a Semana Nacional do Trânsito, que começa na quarta-feira (18/9), a Arteris Régis Bittencourt, concessionária que administra a BR-116 de São Paulo a Curitiba, organiza uma série de atividades com foco na conscientização e prevenção de acidentes. Na quinta-feira, (19/9), o destaque da programação é para as ações Serra Segura e “Tô de Cinto, Tô Seguro”, na Balança de Pesagem de Itapecerica da Serra/SP, no km 297 – pista sul – entre as 9h e as 16h.

A campanhas acontecem com o apoio da 4ª Del. da Polícia Rodoviária Federal. A campanha Serra Segura tem o objetivo de fiscalizar e conscientizar os caminhoneiros sobre as condições de conservação e de manutenção de seus veículos, como as condições dos freios, suspensão, pneus e sistema de direção dos veículos de carga. Os motoristas que participarem da campanha, também terão uma ambulância da concessionária, à disposição, para exames básicos de saúde e orientações.

Na campanha Tô de Cinto, Tô Seguro, o objetivo é conscientizar passageiros de ônibus e veículos de passeio sobre o uso do acessório de segurança. Serão entregues folhetos e haverá conferência se todos os ocupantes do veículo estão com os cintos afivelados. Em caso negativo, os colaboradores orientarão o uso do equipamento. Toda ação será acompanhada pela equipe da PRF.

Prevista para os dias 25 e 26/9, também acontecerá mais uma edição da campanha Acorda Motorista, no Posto de Pesagem no km 387, sentido São Paulo, das 19h à 0h. Tendo como público-alvo os caminhoneiros, o objetivo é o de alertar os motoristas sobre os riscos da sonolência ao volante, com apoio da PRF. Também será realizada uma ação de inspeção veicular de segurança nos caminhões, com troca de lâmpadas queimadas de faróis e lanternas. A ação vai marcar o encerramento da Semana Nacional do Trânsito.

Humanização para o Trânsito nas escolas

Além das ações citadas, a companhia ainda promove visitas envolvendo as escolas que integram o Projeto Escola Arteris, com o objetivo de discutir temas relacionadas à segurança viária, mobilidade e cidadania. Nesta quarta-feira, 18/09, a Arteris Régis Bittencourt fará uma visita à Escola Municipal de Educação Básica Profª Conceição Collaço, levando para os alunos os conceitos do Programa Educar para Humanizar o Trânsito. A equipe de Atendimento Pré-Hospitalar da concessionária fará uma simulação de socorro a um acidente com vítima na rodovia, junto aos alunos.

No último dia 10/9, a Régis Bittencourt realizou uma visita interna com os alunos e educadores da APAE de Registro, escola participante do Projeto Escola. A escola também fez a referência ao Setembro Verde, mês oficial da luta pela inclusão social.  “Foi surpreendente ver a interação dos alunos. Eles tiveram a oportunidade de conhecer e reconhecer os cuidados que precisam ter para evitar acidentes no trânsito.”, avalia a analista de sustentabilidade da Arteris, Marília Yagyu.

“Muitos dos alunos transitam pela cidade ou moram às margens da rodovia, eles puderam ser conscientizados dos perigos que estão expostos todos os dias. Essas ações são importantes porque colaboram com a prevenção de acidentes, além de trazer conhecimento, uma vez que os nossos alunos poderão ser multiplicadores, para que tenhamos um trânsito mais seguro”, comenta a educadora e musicoterapeuta da APAE de Registro, Carmen Lúcia Gorgulho de Almeida. (Fonte: Jodély Dias Assessoria Arteris)

 

Continuar Lendo
Click para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Rodízio de água na RMC até dia 26

Publicado

em

A falta de chuva significativa segue afetando o abastecimento de água na Região Metropolitana de Curitiba. A semana começou com os níveis dos quatro reservatórios em 33,47%. Nos últimos dez anos, este tem sido o período de maior baixa das barragens que compõem o Sistema de Abastecimento Integrado – Iraí 13,59%; Passaúna 35,54%; Piraquara I 25,25%; e Piraquara II 93,06%.

Além do rodízio e da contribuição da população no uso racional da água, a Sanepar antecipa obras e implanta medidas emergenciais que aumentam o volume de água nas barragens.

O objetivo é que o sistema de reservação chegue com níveis mínimos que possibilitem o abastecimento, mesmo que em forma de rodízio, até a regularização das chuvas. Embora o período chuvoso tenha início, no calendário, em setembro/outubro, as previsões dos institutos de meteorologia são de meses com precipitações abaixo da média histórica, segundo o Simepar.

Por isso, o uso econômico e racional da água é imprescindível.

Confira a tabela do rodízio até 26 de julho.

Continuar Lendo

Cidades

Municípios da RMC fazem pacto para conter a pandemia

Publicado

em

Os municípios da Região Metropolitana de Curitiba formalizaram nesta segunda-feira (06), durante reunião do Fórum Metropolitano de Combate à Covid-19, um pacto para alinhamento de condutas de prevenção e controle do coronavírus. 

Sugerido pelo prefeito de Campo Largo, Marcelo Puppi, o Pacto Metropolitano foi encampado pelos demais prefeitos como estratégia para garantir unidade nas decisões relacionadas ao controle da pandemia e reafirma o compromisso de todos os municípios no cumprimento do decreto estadual que estabeleceu quarentena mínima de 14 dias para conter a propagação do vírus.

“Esse não é um problema isolado, por isso é importante o alinhamento para podermos gradativamente, e com segurança, voltar à normalidade”, disse o chefe da Casa Civil do Paraná, Guto Silva, na videoconferência promovida pela Assomec – Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo ele, o Governo já começa a perceber os resultados dos primeiros seis dias de quarentena que determina medidas mais restritivas. “Nosso objetivo é alcançar 55% de isolamento social, ainda não chegamos lá, mas a boa notícia é que a Região Metropolitana de Curitiba já está acima das outras regiões abrangidas pelo decreto”, disse.

LITORAL – Guto Silva também anunciou a inclusão dos municípios do Litoral na quarentana. Decreto nº 5041, assinado nesta segunda, acrescentou a 1ª Regional de Saúde de Paranaguá entre aquelas abrangidas pelo decreto publicado em 30 de junho. As medidas para os municípios do Litoral passam a valer a partir de quarta-feira (08).

UNIÃO – A videoconferência também avaliou resultados e discutiu estratégias para a retomada da atividade econômica. Para o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, a primeira semana da quarentena teve boa adesão na Capital. “Tivemos apenas 47 ocorrências de fechamento de estabelecimentos apenas no fim de semana, ou seja, a grande maioria está cumprindo as medidas”, afirmou. (ANPr)

Continuar Lendo

Cidades

Começou no sábado (30) lockdown na área rural de Quatro Barras

Publicado

em

O Prefeito Angelo Andreatta – Lara decretou na sexta-feira (29), lockdown na área rural de Quatro Barras. A medida foi anunciada pelo prefeito em live publicada em rede social oficial do município. Durante a live, Lara que estava acompanhado do Comitê de Enfrentamento a covid-19, coordenadora, equipe de vigilância, biomédico, enfermeiras e a guarda municipal, afirmou que a medida é necessária para diminuir a curva de contágio do covid-19 no município.

“Após reuniões com o Comitê de Enfrentamento à Covid-19, anúncio o decreto de lockdown na área rural de Quatro Barras, tendo em vista o aumento dos casos de covid-19, e uma morte no município. Estou decretando bloqueio de toda a região rural, principalmente as que envolvem o Palmitalzinho, a Campininha, o Rio do Meio, Ribeirão do Tigre, Fazenda Lagoinha e a Estrada do Pocinho. A partir de hoje, toda essa região estará bloqueada com a supervisão da Guarda Municipal, com o acompanhamento da Vigilância e o apoio da Coordenação da Saúde. Pedimos que a comunidade ajude com relação a esse bloqueio, compreenda e apoie esse decreto que é necessário para que não haja contaminação comunitária para os outros bairros, essa medida é importante para termos mais tempo, para aliviar a curva, para reduzir a contaminação do coronavírus no município. Que Deus nos abençoe”, finalizou o prefeito.

Ruas bloqueadas

Haverá bloqueio total das ruas Nossa Senhora da Luz com acesso a BR-116, bloqueio total da Rua Ribeirão do Tigre com acesso a BR-116, fechamento total da Estrada Antiga da Casa de Pedra, assim como o bloqueio da Estrada do Pocinho. Serão liberados com controle de acesso a entrada da Campininha pelo Florestal – entrada pela rua Vicente Vidolin (próximo ao posto Costa Brava) assim como o acesso da Estrada da Graciosa com a BR 410.

Da redação

Continuar Lendo

Tendência